Glyn Jones e John Templeton, dois britânicos mestres em adestramento de Border Collies, falam que quando soltam filhotes de Border pela primeira vez no rebanho observam que eles podem ter basicamente três comportamentos distintos.Ou param hipnotizados olhando fixamente o rebanho, ou partem como loucos explodindo o rebanho e tentando morder o primeiro animal que esteja ao seu alcance, ou circundam o rebanho tentando agrupá-los.
O primeiro é do tipo que espreita que faz emboscada. Ele prepara o bote com paciência, a espera de um descuido da “presa”, mas isso o imobiliza demais.
O segundo são geralmente dominantes e querem ser os alfas, os matadores.
Os terceiros são caçadores colaboradores, querem cercar.
Todos podem ser ótimos cães de pastoreio, apenas é preciso mostrar-lhes que a função de matador, de alfa, já esta preenchida.Essa função é do Homem, o seu dono e líder.
Incentivar a autoconfiança do cão é a grande tarefa do treinador.
Cada treinador deve escolher que tipo de cão lhe convém. E cabe entender também a personalidade do cão e saber conduzi-la para que o treinamento tenha sucesso.
Deixar um líder solto, sem treinamento adequado, pode fazer dele um insubordinado ou tirano. Massacrar com exigências excessivas um filhote colaborador pode fazer dele um animal inseguro, dependente e sem iniciativa.
Não importa tanto se um cão é matador ou arrebanhador natural. Importa mais saber se ele tem interesse intenso no rebanho, se reage aos movimentos dos animais e se é capaz de assumir outras atitudes quando exigidas pelo dono, isto é, se ele se submete ao dono e se aprende com facilidade qual sua função e como exercê-la.
Alguns treinadores preferem cães “matadores” , outros “arrebanhadores”.
O cão deve ser inteligente, treinável, colaborador e, sobretudo ter características peculiares dos bons cães da raça: ter bom balanço e saber entender e aprender com o rebanho.
A verdadeira potencialidade de um cão, portanto, só pode ser realmente verificada depois de algum treinamento, e mesmo assim é somente potencialidade.

 

 

Postar Comentário

Cães